Arquivos do Blog

Rolando agora a Oficina de Elaboração de Projetos Culturais

Hoje, durante a programação do Pá na Pedra, está acontecendo a Oficina de Elaboração de Projetos Culturais, com Roberta Henriques. Durante a atividade, os participantes puderam esclarecer dúvidas sobre como deve ser construído um Projeto para ser levado à aprovação de algum órgão.

pá na pedra

Segundo Alana Januário, os participantes puderam entender “a importância de cada item que deve ter dentro do projeto, como, por exemplo, a equipe que irá trabalhar para sua execução, a verba, a planilha orçamentária, entre outros”.

Os participantes também têm a oportunidade de colocar em prática o que aprenderam elaborando um projeto.

Mais tarde, teremos durante a programação a Mostra de Vídeos com o documentário Brega S/A de Vladimir Cunha e o filme Sozinho no Inferno, de Gemerson Sander.

Anúncios

Cobertura Pá na Pedra – Part 1

1º Vídeo de Cobertura do Festival Pá na Pedra 2011. Um pouco de como foi o segundo dia de evento, que foi dedicado ao Hip Hop.

Está aberta a programação do Pá na Pedra

O Festival já começou discutindo a formação da cidade e o papel da juventude em seu desenvolvimento. Na parte da manhã, houve duas mesas de debate que tiveram Ribeirão das Neves como tema central.

Na primeira, composta por Helton Lima e Joseane de Sousa, foram esclarecidos alguns pontos sobre a composição da cidade e seu povoamento. Fatores como a formação demográfica e histórica da cidade foram discutidos com os participantes do debate. Ficou clara a necessidade de se criar no cidadão um senso crítico cultural, a desmitificação da formação do município e a busca na história da cidade da importância de Neves, tanto para seus moradores quanto como parte do estado/país/mundo.
A segunda mesa discutiu a juventude (ou as “juventudes”), nevenses e até nacional, e seu papel para o desenvolvimento da cidade. Marcos Antônio e Maruaia de Castro ajudaram os presentes durante suas falas a perceberem a importância de se reconhecer a juventude e o seu papel na formação de uma sociedade e dessa própria juventude se reconhecer como parte importante para a composição e a evolução dessa sociedade que está inserida.
Ainda tem muita atividade do Pá na Pedra para acontecer, você pode saber os dias e os horários na página da PROGRAMAÇÃO. Em breve postaremos mais notícias do que acontece no evento.

Mais três grupos de dança no Pá na Pedra

O Grupo Gestos, a Cia de Dança Vênus e o Empares também confirmam presença no Festival, na próxima semana.

Grupo Gestos

O Grupo Gestos é de Ribeirão das Neves e está na ativa desde 2002, promovendo a cultura Hip Hop na cidade, através do Street Dance. Seu estilo de dança é marcado por movimentos fortes, leves e alegres. O Grupo já participou de diversos eventos regionais e até nacionais. Todos os bailarinos e coreógrafos do Gestos vivem em Ribeirão das Neves onde o grupo tem uma tradição de quase dez anos de estrada. O Grupo Gestos se apresenta no dia 10 de setembro no Parque Ecológico.

Cia de Dança Vênus

A Cia de Dança Vênus surgiu em 2009, em Ribeirão das Neves, com a proposta de ser um grupo de Street Dance e Jazz feminino. Hoje, o grupo que é misto, representa sua cidade de origem em diversos festivais pelo Brasil. A Cia de Dança Vênus se apresenta no dia 4 de setembro na Praça Central de Neves.

Projeto Empares

O Projeto Empares foi criado pelo bailarino Vagner Henrique, que tem formação em dança de sação, contemporânea e tango, com o intuito de sociabilizar e democratizar a dança de salão. É formado também pela bailarina Mônica Sant’Anna que tem 20 anos na área de dança com formação clássica, folclórica, dança de salão e é especializada em tango, em Bueno Aires. Os dois participam da Cia de Dança El Abrazo Tango. Empares se apresenta no dia 10 de setembro no Parque Ecológico.

Pá na Pedra “na telona”

Apaguem as luzes! Ao invés de pipoca, que tal uma pizza, um petisco ou um caldo? Cadeiras enfileiradas ou uma mesa com seus amigos? Está aberta a primeira sessão do Cinebar no Pá na Pedra.

E para abrir a sessão, o filme Brega S/A que mostra como a indústria do brega, ou melhor, tecnobrega, funciona no Pará. Vamos conhecer a história de personagens desse fenômeno cultural e social através de personagens como DJ Maluquinho, que se auto-pirateia e enriquece sem precisar de empresário, governo ou gravadora. O documentário Brega S/A tem a direção de Vladimir Cunha, Gustavo Godinho.

Depois do Pará, vamos ter a oportunidade de assistir à estreia do novo filme do cineastra mais conhecido de Ribeirão das Neves. Gemerson Sander lança o “Sozinho no Inferno”, sequência da primeira produção do cineastra, Razias, de 1999. A ficção científica foi toda produzida com apenas uma câmera. Na sinopse, Sander é um soldado CEL (Controle de Espécime Laboratorial) que se vê novamente diante de seu maior pesadelo, deter organismo criado para transplante de órgãos que sofrera mutações. Ele tem de voltar ao antigo laboratório e confrontar grupo militar, para salvar sua ex-esposa a Dra. Ana e os moradores da Vila.

Cena do Filme Sozinho no Inferno

Veja o Trailer dos Videos AQUI.

A Mostra de Vídeos acontece no feriado de 7 de setembro, às 19h, no Ateliê da Pizza (R. Padre Pedro Cordeiro da Rocha, 04, Nossa Senhora das Neves – ao lado da Igreja de Nossa Senhora das Neves).

%d blogueiros gostam disto: