Arquivos do Blog

Conheça as três bandas selecionadas pelo Música Minas para tocar no Pá na Pedra

Os grupos foram escolhidos através do Edital de Circulação Estadual, promovido pelo Programa Música Minas. Ao todo, 15 artistas/grupos foram selecionados para se apresentar nos festivais do Circuito Mineiro de Festivais Independentes. Entre essas, as bandas Frito na Hora, Capim Seco e Uganga são as novas atrações confirmadas para o Pá na Pedra 2011.

Frito na Hora (Foto: João Miranda)

A Frito na Hora, de Belo Horizonte, é uma orquestra de percussão que trabalha o improviso musical dirigido ao vivo e em tempo real. As composições são realizadas diante do público. Os recursos de palhaçaria e dinâmicas inusitadas incorporadas à música, resultam em grande envolvimento do público com a orquestra e garantem um caráter singular de interação.  A Frito na Hora se apresentará no dia 11 de setembro, no Parque Ecológico.

Para saber mais sobre a orquestra basta acessar o site www.fritonahora.com.

Capim Seco (Foto: Bárbara Monteiro)

Capim Seco, que também é de Belo Horizonte, traz uma concepção de samba que vai além do tradicional carioca. A banda faz um samba que resulta das diversas manifestações culturais e religiosas, como jongo, lundu e candomblé, além de outras vertentes como o jazz. O quinteto apresenta um instrumental arrojado, arranjos que singularizam cada música executada e a envolvente performance da cantora Michelle Andeazzi. No repertório, o destaque são as canções autorais do grupo e de parceiros da música mineira. Capim Seco subirá ao palco do Pá na Pedra no dia 11 de setembro, no Parque ecológico

Para saber mais sobre a banda, visite www.myspace.com/capimseco.

Uganga

A banda Uganga é de Araguari e foi criada em 1993, pelo vocalista Manu Joker. A banda faz parte da história do Rock pesado Mineira. Diretamente influenciado por Thrash Metal e Hardcore, o Uganga somou à essa fusão (crossover) algumas passagens mais atmosféricas inspiradas no Dub e uma dose extra de groove na cozinha. Nas letras, relfexoes acerca do respeito à mãe natureza, livre arbítrio, dilemas cotidianos e auto-conhecimento. Em sua trajetória, já lançou três demos e três CDs oficiais, o ultimo, Vol.3: Caos Carma Conceito foi lançado no Brasil e na Europa pela gravadora Metal Soldiers Records, de Portugal. Uganga toca também no dia 11 de setembro, no Parque.

Mais informações no: www.myspace.com/uganga

.

O movimento Hip hop é presença no Pá na Pedra

O Pá na Pedra 2011 terá presença marcante do Hip hop em sua programação, por três vertentes distintas. O Rap através das apresentações de grupos de notoriedade nacional, o Grafite com oficinas e o Street Dance com apresentações dos grupos da cidade. Não é  necessário fazer nenhuma pesquisa para percebermos que o movimento tem grande aceitação do público local, tanto na produção quanto na recepção da cultura, sendo assim podemos constatar que a uma grande expectativa nesse sentido.

O Rap dá as caras no dia 04 de Setembro com apresentação dos grupos, em plena Praça Central de Ribeirão das Neves. Dentre os grupos que se apresentarão a poesia dos Versus Reais, do Bairro Rosaneves. No mesmo dia o rapper Nunga, também do Rosaneves, com sua voz inconfundível lança seu CD, o público poderá perceber a experiência de 20 anos e suas letras cruas e reais de quem viveu na periferia. Além do grupo de Street Dance Vênus, e o som dos Profetas do Rap.

Nunga

Para fechar a noite, A Corte, do Vale do Jatobá chega com a mistura envolvente do Rap com samba e letras contundentes. O grupo, de visibilidade nacional e que faz parte do Coletivo Bambata de Belo Horizonte, é o responsável por deixar o público com gosto de “quero mais”.

Porém não termina por ai, no dia 10 de Setembro além das oficinas de Grafite, teremos a apresentação do tradicional grupo de Street Dance, Gestos de Ribeirão das Neves. Com mais de 15 anos de existência o grupo apresenta sua sintonia e experiência adquirida nesse tempo de estrada.

%d blogueiros gostam disto: